DIRETRIZES, ÉTICA & CONDUTA OBM

PROPÓSITO OBM

Ser a primeira plataforma integrada de soluções objetivas de alto nível para executivos e organizações, atuando por meio do conceito de On-Board Mentoring, com mentoria qualificada realizada dentro da empresa e focada em resultados.

VALORES FUNDAMENTAIS

São valores fundamentais abraçados pela OBM® e compartilhados com seus parceiros: Ética, Sigilo e Confidencialidade dos Dados e das Informações dos Clientes Atendidos – porque confiança representa a pedra fundamental de todos os nossos relacionamentos. Valor respaldado em rígidos instrumentos de Non-Disclosure Agreement (NDA) celebrados entre todas as Partes envolvidas – OBM® e Clientes, OBM® e Mentores e Mentores e Clientes bem como no cumprimento da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). Respeito aos Nossos Clientes, aos Seus Negócios e Ecossistemas – porque nos comprometemos com a entrega efetiva de resultados, alinhada aos objetivos traçados para nossa atuação. Pautado em modelos de atuação ágeis e precisos, com compreensão plena das reais necessidades dos clientes e na alocação dos melhores profissionais para a solução dos desafios. Aprimoramento Continuado dos Processos e do Modelo de Atuação por meio da Avaliação dos Clientes Atendidos – porque somente seremos efetivos e melhores a partir das entregas realizadas. Compromisso de avaliação de todas as mentorias prestadas via Plataforma OBM® , possibilitando feedback construtivo e reconhecimento do Time de Elite de Mentores OBM®.

GARANTIA DE ÉTICA E SIGILO

A OBM® possui rígido Código de Ética e Conduta, formalizado com Mentores Certificados e Empresas Atendidas. Os Projetos de Mentoria são iniciados somente após assinatura de NDA específico. As Mentorias são realizadas dentro da Plataforma OBM®, em ambiente digital seguro. Em respeito às Empresas e aos próprios Mentores, o Canal de Ouvidoria OBM® e a avaliação contínua da atuação dos Mentores Certificados garantem a excelência na execução do Propósito OBM®.

MODELO DE NEGÓCIOS OBM

A OBM se apoia em três grandes vertentes:

  1. Qualificação e certificação de profissionais de alto nível, chancelada pela Sociedade Brasileira de Gestão do Conhecimento (SBGC). Esses executivos terão como requisito, no mínimo, 10 anos de experiência em cargos de gestão em grandes empresas;

  2. Operacionalização de plataforma colaborativa de mentoria, com o conceito de fast consultancy/advisoring, conectando profissionais e empresas para diminuir a distância entre desafios e soluções, a partir de demandas específicas identificadas.

  3. Consolidação e ampliação de network qualificado, a partir de ações promovidas com grupos de perfis, propósitos e objetivos semelhantes, aproximando “tribos com mesmos interesses”.

CONSELHO DE NOTÁVEIS

A OBM® recebe apoio de um Conselho de Notáveis composto por profissionais de altíssimo nível, que são grandes referências em seus segmentos e que acreditam no Modelo de Atuação OBM® e em sua filosofia de trabalho. Seus integrantes têm adesão por meio de convite especial realizado pelo Board da OBM®. 

 

Os Conselheiros poderão atuar como Mentores de C Level, escolhendo causas sociais (mentoria gratuita) e/ou analisando demandas para mentorias específicas que surjam via plataforma. A atuação é não-obrigatória, respeitando decisão exclusiva de cada integrante do Conselho, mediante análise de demandas/convites encaminhados. Nesse caso em específico, seguirão as mesmas diretrizes estabelecidas para a atuação dos Mentores.

 

 Além disso, os Conselheiros terão total liberdade para propor novas soluções que serão discutidas e analisadas pelo Board da OBM® e poderão, conforme seus interesses e disponibilidades, escrever artigos ou gravar vídeos para serem divulgados como “pílulas de conhecimento”, que incentivarão não somente os membros da OBM®, mas todas as pessoas que fizerem consulta ao conteúdo aberto da plataforma.

PRINCÍPIOS RELEVANTES À ATUAÇÃO OBM
MENTORES OBM®

A atuação do Mentor OBM® deve respeitar e seguir o Propósito de Atuação, os Valores Fundamentais e o Modelo de Atuação OBM® estabelecidos. Sua atuação nas organizações deve se basear em princípios básicos referentes não só ao sigilo das informações obtidas, como no respeito pelo investimento realizado pelos clientes na busca de soluções objetivas e precisas aos desafios mapeados.

 

O diferencial competitivo é instrumento de valor agregado, devendo ter suas características preservadas. Os Mentores deverão seguir os procedimentos e instrumentos estabelecidos pela OBM® para a realização das mentorias, como instrumentos mínimos de registro e monitoramento dos resultados pactuados.

No ato da formalização da mentoria deverá ser firmado o Acordo de Mentoria/Plano de Voo da Mentoria/ Formalização do Contrato de Mentoria, no qual serão definidos, de forma clara e assertiva, os objetivos, o escopo e a(s) entrega(s) prevista(s) como resultado final da mentoria. Da mesma forma, deverá ser definida a interface-estratégica que acompanhará, por parte das empresas atendidas, a mentoria, podendo ser as mesmas representadas por um ou mais gestor. 

Ressalte-se que os contratos de prestação de serviços serão respaldados em rígidos instrumentos de NonDisclosure Agreement (NDA) celebrados entre todas as Partes envolvidas – OBM® e Clientes, OBM® e Mentores e Mentores e Clientes, bem como no cumprimento da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD)

A atuação da OBM® é pautada em princípios relevantes e estritamente éticos, com o propósito de inspirar confiança, possibilitar mudanças positivas nas Organizações Mentoradas e reforçar os princípios de liderança e de governança corporativos estabelecidos pelas empresas contratantes.

PRINCÍPIOS RELEVANTES À ATUAÇÃO OBM®
Conflito de Interesses

É fundamental à atuação do Mentor OBM®, assim como de todo e qualquer profissional relacionado com a OBM® – seja parceiro ou fornecedor –, evitar situações em que possam ser caracterizados conflitos de interesse. 

Aos Mentores OBM® fica vedada a atuação em segmentos-espelho aos por eles atualmente trabalhados, por meio de funções ativas em organizações que atuem no mesmo segmento e/ou em segmentos complementares. Esse item se refere somente a mentores que, porventura, ainda exerçam posição/função gerencial e/ou de liderança em empresas ou organizações atuais. 

Devem, ainda, ser evitadas situações em que se busca a função exercida para obtenção de privilégios em benefício próprio ou que se aceite favores e/ou presentes para obtenção de condições diferenciadas de atendimento perante clientes e/ou fornecedores. Para os Mentores que optarem por operar dentro da Plataforma OBM®, é vedada a participação em plataformas semelhantes de pessoas jurídicas constituídas com objeto social igual e/ou semelhante ao da OBM®.

Apresentação, Condução e Postura Adequadas

O Mentor Certificado OBM/SBGC® passará a integrar um Time de Elite e, como tal, deve atuar da forma mais adequada possível, preservando profissionalismo, cortesia, objetividade, empatia e profundo respeito às Organizações Mentoradas.

 Deve ser adotado o uso de linguagem adequada, clara e objetiva no que tange à comunicação verbal, representada por meio da fala e dos registros realizados, assim como o da não-verbal, que abrange aspectos comportamentais. Situações de embate técnico e/ou de desconforto frente à Organização Mentorada, assim como eventuais barreiras identificadas, devem ser analisadas com calma e, sempre que necessário, trazidas ao Board da OBM® para apresentação, discussão e identificação de alternativas de solução. 

Inovação Como Fonte Transformadora 

A inovação deve ser compreendida pelos Mentores da forma mais ampla possível, conforme o apresentado por Pavanelli, fundadora da OBM®, em 2017, na publicação internacional da Revista da FGV Projetos (Fundação Getúlio Vargas, FGV): 

É inquestionável que a tecnologia tem proporcionado grandes mudanças no cenário mundial e a inovação é a base para a obtenção de resultados que levem ao aprimoramento da performance, quer seja esta relacionada ao âmbito organizacional ou social, representado geograficamente por cidades e nações. Schumpeter (1939) atenta para dois formatos de inovação: o primeiro, trata da inovação incremental, que resulta de melhorias em processos, métodos ou produtos e, o segundo, trata da inovação radical, caracterizada pelo rompimento dos limites da inovação incremental, estabelecendo novos padrões. A mesma linha é seguida pelo Manual de Oslo (2005), que representa uma importante referência em âmbito mundial ainda nos dias atuais: inovação seria a implementação de um produto, na forma de bem ou serviço, novo ou significativamente melhorado, podendo, ainda, ser espelhada em um novo processo ou um novo método nas práticas de negócios, abrangendo as relações internas e externas.

A capacidade do Mentor em entender o cenário da Organização Mentorada, assim como em identificar oportunidades para inovação representa um pilar de extrema importância no Modelo de Atuação da OBM®.

Sustentabilidade – Respeito ao Meio Ambiente e à Sociedade Respeito ao meio ambiente e preservação das relações e das contribuições sociais são princípios e valores abraçados pela OBM®, que devem ser compartilhados junto às Organizações Mentoradas

A sustentabilidade não deve ser lida apenas como um asset de marketing, que possa como vantagem competitiva levar à alavancagem da imagem institucional, reverberando em imagem positiva perante clientes e sociedade (credibilidade) e ganhos financeiros (rentabilidade/lucratividade). 

O Mentor deve observar a legislação sobre a matéria e ainda possíveis acordos, culturas e forma de utilização dos recursos, não devendo propor soluções ou ações que possam comprometer a imagem e o resultado da Organização Mentorada por desrespeito à sustentabilidade. A OBM®, no exercício de suas atividades, adota práticas diárias de compromisso com o meio ambiente e o desenvolvimento sustentável. Como exemplos, o incentivo à realização de mentorias à distância, por meio de plataformas tecnológicas seguras; a não-impressão física de materiais, optando pelo compartilhamento de relatórios parciais e finais exclusivamente em formato digital (PDF); e a realização de mentorias pro bono para instituições específicas.

Colaboração – Base da Atuação OBM®

O conceito On-Board Mentoring se apoia no compartilhamento do aprendizado individual de profissionais de alta performance, que tenham 10, 15, 20 anos ou mais de experiência junto a grandes organizações, atuando em áreas como estratégia, merger & acquisition (M&A), finanças, marketing, comercial, operações, gestão de pessoas, qualidade, jurídico e outras tantas mais, que espelham as diferentes modelagens organizacionais.

 Os Mentores são profissionais que trazem em suas bagagens ampla vivência profissional em posições de gestão, tendo atuado como gerentes ou dirigentes ou em C Level (CEO, CMO, CTO, entre outros). Esses profissionais passarão por uma formação de alto nível para integrarem o Time de Elite de Mentores OBM/SBGC®, no qual se apropriarão de técnicas, instrumentos e ferramentas para viabilizar o melhor repasse técnico possível às Organizações Mentoradas, apoiando-as em processos de resolução de desafios e de tomada de decisão. 

Cabe ao Mentor realizar, sempre, uma ponte positiva e assertiva entre os desafios mapeados a serem cumpridos, as condições reais de atendimento/de entrega de soluções dentro do escopo e dos prazos estabelecidos.

Entregas Efetivas de Alto Valor Agregado

Respeito às Organizações Mentoradas, aos seus negócios e ecossistemas é valor fundamental para a OBM®: o compromisso final é fazer a diferença por meio de uma entrega efetiva de resultados, alinhada aos objetivos traçados para a mentoria.

 O Modelo OBM® é pautado em estruturas ágeis e precisas, que iniciam com a compreensão plena das reais necessidades dos clientes e na alocação dos melhores profissionais para a solução dos desafios identificados.

 O conceito de “mentoria embarcada/aplicada nas organizações” é diretamente associado ao conceito de High Level Fast Consultancy, ou seja, de consultoria de alto nível, realizada em curto espaço de tempo.

A OBM® atua no formato ad hoc, que são encontros únicos, sob medida, com duração média de 3,5h e com formato trimestral, prevendo, em média, não mais de 8h semanais, mensais, totalizando 24h ao trimestre. 

As mentorias tratam, portanto, de intervenções cirúrgicas, precisas, que somam a ampla e sólida experiência profissional dos Mentores OBM/SBGC® a instrumentos precisos de diagnóstico, de análise e, sobretudo, de definição de planos de ação factíveis, dados, escopo e prazos definidos pelos contratantes. 

Todas as mentorias são avaliadas pelos próprios contratantes, que são as organizações-clientes: 80% do peso da avaliação – que é realizada de forma 100% transparente junto aos mentorados – diz respeito à efetividade da ação definida. Em outras palavras, avalia-se se o diagnóstico foi realizado de forma assertiva e se os resultados apresentados pelo Mentor OBM/SBGC® foram alcançados em plenitude e em conformidade ao registro inicial realizado. 

Em caso de não-atingimento de avaliação de efetividade mínima (avaliações inferiores a 80%), a mentoria será refeita, podendo ser realizada por um segundo profissional, um diferente mentor.

Sustentabilidade – Alinhamento entre Estratégia e Ações

O trabalho de mentoria deve ser guiado com base no processo evolutivo da sustentabilidade. Mesmo em ações cujo escopo de contribuição do mentor são “pontuais”, as entregas/os resultados devem sempre considerar o contexto geral de atuação da organização e as estratégias vigentes.

Respeito à estratégia organizacional e à sua sustentabilidade, em prol de assegurar resultados positivos à corporação, é algo de extrema importância para a OBM®.

A recomendação objetiva e clara a respeito dos impactos das ações realizadas em mentoria frente à estratégia e à operação da organização devem, ao final dos trabalhos desenvolvidos, fornecer indicações necessárias para a continuidade das ações iniciadas em colaboração com o Mentor OBM®.

Relacionamento Público e com a Imprensa

Somente poderão falar em nome da On-Board Mentoring (OBM®) os seus fundadores e dirigentes, à exceção de pessoas expressamente autorizadas, como assessoria de imprensa e agência de propaganda, enquanto fornecedores e mediante planos de ação e/ou ordem de serviços validados por e-mail.

São critérios de conduta comuns a todos os que estão autorizados a tratar com a imprensa em nome da OBM®: respeito e reconhecimento de seu valor e de sua relevância para a divulgação e o fortalecimento do Modelo de Atuação da OBM®, bem como de suas conquistas e de seus resultados; transparência e veracidade das informações compartilhadas, visando manter o bom nome e os valores da OBM® como empresa e plataforma íntegras e comprometidas com o resultado de seus clientes, bem como da contribuição, via consolidação do novo formato de assessoria técnica especializada, para a geração de oportunidades diferenciadas e dignas de trabalho qualificado, contribuindo também com o desenvolvimento socioeconômico do País.

Sigilo e Confidencialidade

É vedado aos Mentores copiar, gravar, fotografar ou reproduzir, sob qualquer forma ou meio, quaisquer arquivos e/ou documentos eletrônicos referentes ao Modelo de Atuação da OBM®, bem como a todos seus instrumentos e ferramentas, sem prévia e expressa autorização do Board da OBM®.

É expressamente vedado que qualquer Mentor obtenha, armazene ou utilize para fins estranhos ao trabalho, ou repasse materiais ou informações internas e/ou dados sigilosos, a não ser quando duplamente autorizado, tanto pela empresa como pelo Board da OBM®. Cabe aos mentores zelar pelo sigilo profissional consistente na preservação e na reserva sobre as informações e estratégias de atuação das empresas e Organizações Mentoradas, bem como de seus respectivos clientes, estabelecendo relação de total confiança e discrição. 

O Mentor deve observar cuidadosamente a forma como trata sigilo e confidencialidade, solicitando, por escrito, a permissão para uso de canais de comunicação para realização da mentoria, a exemplo de e-mails e plataformas como Zoom, Google Meeting, Teams ou outras ferramentas.

Todos os Mentores que utilizarem a rede ou os meios digitais, no exercício da atividade profissional ou em decorrência dela, devem comunicar-se com linguagem adequada e pautar-se por princípios éticos.

O Mentor deve ter discernimento quanto a possíveis conflitos de interesse que possam estar relacionados ao mercado e às políticas internas da Organização Mentorada: cabe a ele proteger os patrimônios intelectual (imaterial) e materiais aos quais tiver acesso.

Os ativos tangíveis das organizações também representam vantagens competitivas ou formas de enfrentamento da concorrência, devendo ser mantidos sob absolutos sigilo e confidencialidade. Como exemplos dessa natureza de patrimônio, tecnologias, patentes, estudos, listas de clientes e fornecedores, preços e margens, resultados financeiros, entre outros dados e informações, que deverão ser preservados.

Dispositivos Gerais à Confidencialidade

O descrito a seguir encontra-se alinhado à Minuta de Base dos Contratos celebrada entre a OBM® e seu Time de Mentores, bem como àquela a ser celebrada entre a OBM® e as Organizações Mentoradas, a partir desse momento, consideradas como PARTES.

Todas as INFORMAÇÕES CONFIDENCIAIS reveladas por uma PARTE ("PARTE reveladora", podendo ser constituída por um ou mais representantes estratégicos dos clientes atendidos) deverão ser mantidas confidenciais pela PARTE receptora e não poderão ser, sem o prévio consentimento por escrito da PARTE reveladora, reveladas a qualquer terceiro pela PARTE receptora, no todo ou em PARTE, bem como não poderão ser utilizadas pela PARTE receptora para qualquer finalidade que não esteja relacionada com o projeto pretendido pelas PARTES.

  • As PARTES se comprometem a não fazer cópias das informações confidenciais, sem o consentimento prévio da PARTE adversa;

  •  As PARTES se comprometem a guardar e manter todas as informações confidenciais em local seguro e adequadamente protegido;

 

  •  Não serão consideradas informações confidenciais: aquelas que venham a se tornar de domínio público; que a PARTE reveladora autorize por escrito à PARTE receptora; que antes do fornecimento pela PARTE reveladora já fosse comprovadamente conhecida da PARTE receptora; 

  • As PARTES não serão consideradas responsáveis se tal divulgação se der em virtude de ordem judicial ou emanada por qualquer órgão governamental, devendo o Conselheiro comunicar através de e-mail a Ouvidoria e Controladoria da OBM®, que comunicará imediatamente a ouvidoria e controladoria da organização ou empresa atendida.

Lei Geral de Proteção de Dados

A OBM® segue todas as recomendações e orientações legais constantes na Lei 13.709/18 Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), em especial os princípios da finalidade, adequação, transparência, livre acesso, segurança, prevenção e não discriminação no tratamento dos dados.

  • As PARTES seguirão e respeitarão as premissas e concordam que o desenvolvimento das atividades, sempre que possível, observará que o consentimento do usuário no fornecimento de dados deverá ser livre, informado, inequívoco e relacionado a uma determinada finalidade; 

  • No que tange aos dados eventualmente armazenados pela OBM®, esta declara que possui processos internos de governança para a proteção dos dados, devendo na execução e utilização em seus negócios observar a LGPD e suas premissas.

Lei Anticorrupção

Os Mentores se comprometem a observar os preceitos legais instituídos pelo ordenamento jurídico brasileiro no que tange à Lei 12.846/13, Lei Anticorrupção, em conformidade aos preceitos de um bom modelo de transparência e governança a ser seguido pela OBM®.

Respeito à Diversidade e à Igualdade

Todos os Mentores devem respeitar a diversidade humana e cultural nos ambientes e relações de trabalho, repudiando qualquer forma de preconceito e discriminação. Ressalte-se que o Brasil é um país multicultural e que deve ser estimulada, no espaço privado, uma cultura de ética, respeito e valorização da diversidade e da igualdade de oportunidades.

Repúdio a Assédio Moral, Assédio Sexual e Abuso de Poder

Caracteriza-se como assédio moral o fato de alguém humilhar, desrespeitar ou constranger um subordinado ou colega de trabalho, podendo se dar por meio de um ato isolado ou sistemático, perseguição ou isolamento, comportamentos insistentes, ofensivos ou rudes, evidentes ou sutis. Em relação ao assédio sexual, este ocorre por atos, insinuações, contatos físicos forçados e convites impertinentes com intuito de obter vantagem ou favorecimento sexual. Para que seja identificada a prática, não há necessidade de contato físicos entre os envolvidos.

Da Integridade da Atuação

A integridade da atuação é fator fundamental para que seja preservada a credibilidade da OBM® e dos seus Mentores Certificados, sem qualquer item que possa remeter à subversão de regras ou comportamentos inadequados, que porventura não estejam contemplados de forma explícita no presente Código de Ética e de Conduta.

A credibilidade do trabalho do Mentor, reforçada pelo Conselho de Notáveis da OBM®, está diretamente relacionada à observância dos princípios aqui estabelecidos.

Descumpridos os valores e princípios aqui estabelecidos, o Mentor, a qualquer tempo, perderá o direito de atuar com a Certificação OBM/SBGC® e, consequentemente, deixará de integrar o Time de Elite de Mentores OBM/SBGC®.

A OBM® disponibiliza o seu Canal de Ouvidoria, no qual, a qualquer tempo, podem ser relatadas dificuldades em relação ao cumprimento do plano traçado, tanto por parte das Organizações Mentoradas como do Mentor, sendo-lhes assegurado o anonimato. E tomará medidas ágeis e positivas para contribuir da melhor maneira possível para a resolução de problemas e desafios.

Da mesma forma, no que se refere ao conhecimento de violação de qualquer aspecto das leis vigentes, condutas éticas previstas neste instrumento e/ou nas cláusulas contratuais específicas celebradas, o Mentor e as Organizações Mentoradas devem comunicar o fato por meio do Canal de Ouvidoria OBM®, que também atuará, em um primeiro momento, como canal de denúncia com anonimato assegurado.

Este instrumento pode ser revisado e alterado a qualquer momento, verificada a pertinência e necessidade de sua atualização.